Cancel Preloader

Em Tocantinópolis dois irmãos são presos suspeitos de matarem homem após querela no Setor Vilanópolis

 Em Tocantinópolis dois irmãos são presos suspeitos de matarem homem após querela no Setor Vilanópolis

Homicídio ocorrido no mês de novembro de 2020, em Tocantinópolis, no Bico do Papagaio, foi esclarecido pela Polícia Civil do Tocantins nesta segunda-feira, 14, pelo delegado-chefe Tiago Daniel de Morais deram cumprimento a dois mandados de prisão preventiva em face de dois investigados, de 30 e 28 anos, pelo crime de homicídio qualificado por motivo fútil.

Conforme o delegado, o crime ocorreu no dia sete de novembro no Setor Vilanópolis e vitimou Antônio Balduíno Matos Neto, de 28 anos de idade. De acordo com as investigações, os fatos aconteceram em frente a uma adega localizada naquele setor. Após a briga, que envolveu a vítima, os investigados e outras pessoas, os dois homens presos hoje saíram do local e retornaram minutos depois em um carro. Enquanto um dirigia o veículo, o outro desceu com uma espingarda e deu um tiro em Balduíno.

Segundo a autoridade policial, alguns dias depois do crime, os investigados se apresentaram e deram as suas versões dos fatos, alegando terem agido em legítima defesa. Porém, estas declarações não convenceram a Polícia Civil. Desse modo, a autoridade policial representou pela prisão preventiva dos investigados, pedido este que foi deferido pelo Poder Judiciário de Tocantinópolis.

De posse das ordens judiciais, os policiais civis saíram em diligências e efetuaram a prisão dos dois irmãos, sendo que um deles estava em uma fazenda na zona rural e o outro foi capturado em uma casa na cidade. Após serem presos, os dois homens foram conduzidos à sede da 20ª DP e depois das providências legais cabíveis, recolhidos à Cadeia Pública de Tocantinópolis, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *